Start Pub

Evento criativo para diáconos

O Chamado

“Então lhe disse eu. Ah, Senhor Deus! Eis que não sei falar, não passo de uma criança. Mas o Senhor disse: não digas isso, porque a todos que eu te enviar iras e tudo quanto eu mandar falarás” (Jeremias 1.6).

Como Jeremias, somos rápidos em alegar incapacidade para fugirmos do que Deus quer de nós. Queremos ficar confortáveis em nossas posições e convicções do natural. Na maioria das vezes nos apresentamos para Deus como inadequados ou incapazes. Queremos nos esconder para não sermos instrumentos em Suas mãos, o que pode nos causar grandes feridas na alma.

“Enganoso é o coração mais do que todas as coisas e desesperadamente corrupto, quem o conhecerá?” (Jeremias 17.9). Existe uma grande lacuna entre o que entendemos que podemos fazer e a grandiosa vontade de Deus para fazer em nós e através de nós.

“Eis que ponho em tua boca as minhas palavras. Olha que hoje te constituo profeta sobre as nações e sobre os reinos para arrancares e derribares para destruíres e arruinares e também para edificares e plantares” (Jeremias 1.9-10).

É isso que o Senhor nos ordenou a fazer nas nações. Destruir potestades, derribar altares de Baal, arruinar a obra da morte e do inferno e construir para Ele um altar em cada nação e abrir picadas para os evangelistas plantarem, para mestres ensinarem, apóstolos exercerem a igreja, para os pastores colherem… Para a Igreja ser Igreja.

Eugene Peterson diz que “ir aos cultos e cantar não nos torna mais santos, assim como ir a cocheira relinchar não nos torna um cavalo”. Do mesmo modo a igreja numerosa, popular, rica e frondosa não a torna noiva de Deus. Jeremias chama isso de templo de Deus transformado em covil de salteadores (Jeremias 7.11).

Atender ao chamado de Deus implica em obediência e presteza. É preciso comprometimento e responsabilidade – é preciso organização e gestão do tempo, das atividades e da casa do Senhor.

O chamado diaconal é um chamado de disposição à obra do Reino de Deus – vai contra o ato de “frequentar culto” e vai de encontro a “ser igreja”. Deus tem um chamado para todo o corpo diaconal de Sua igreja.

Evento de gestão para diáconos da Igreja

Dispõe-te

“Dispõe-te, desce a casa do oleiro e lá ouvirás as minhas palavras” (Jeremias 18.1).

Quando o oleiro está moldando um vaso, suas digitais são deixadas no mesmo. Você pode entender isso? O pó que somos feitos e a imagem e semelhança de Deus em nós nos transformará em sacerdócio real, nação santa, povo escolhido de Deus. Ele molda a quem chama. Deus molda a nação que Ele escolhe para curar. O povo de Deus é o reino de Deus na terra. O reino de Deus não pode ser regido pelo ego dos homens ou por um espírito manipulativo. Ele deve ser regido pelo próprio Deus. Para que isso aconteça, a intimidade deve ser revelada em ação e palavras e a obra deve ser gerenciada com excelência.

Encontro de Diáconos

Para capacitar na excelência de gestão da obra do Reino de Deus e nas ações e atividades cotidianas das Igrejas dos Montes, o evento START será oferecido aos diáconos de nossas igrejas para capacitação ministerial.  Trata-se de um evento criativo de gestão onde os diáconos da igreja serão ministrados e participarão de atividades sobre organização eclesiástica. O evento ocorrerá na sede da Igreja de Florianópolis no dia 29 de junho com início às 15 horas e término às 22 horas. Serão 7 horas e meia intensivas de ensino, treinamento e atividades para capacitação deste nobre ministério. O evento é destinado aos diáconos das Igrejas de Florianópolis, Blumenau, Timbó e Camboriú.

Chamada

O evento ocorrerá na sede da Igreja de Florianópolis

SERVIÇO

O quê:  Start – encontro de diáconos.
Quando: 29 de junho de 2019.
Hora: 15h00 – 22h30.
Local: IF HALL – Igreja de Florianópolis (Rua Emir Rosa, 537 – Centro).
Evento gratuito (somente para diáconos da igreja).

Igreja de Florianópolis – Nação dos Montes