Amsterdã voa alto no cenário mundial sendo uma das potências comerciais e culturais mais importantes da Europa. Situada na província Holanda do Norte, esta incomum cidade não se limita só ao status de capital e maior cidade dos Países Baixos.

Seu nome vem de “Amster”, do rio Amstel que corta a cidade, e “dam”, derivado do nome de uma represa. A lendária metrópole dos canais fluviais e das casas flutuantes  nos rios (que são mais de 2,5 mil) é cosmopolita e liberal por natrureza. A capital holandesa é também a terra dos museus, das bicicletas, dos parques, das ruas de comércio, dos mercados de flores, dos concertos, dos festivais internacionais, dos aconchegantes cafés… e até da prostituição. Seja como for, qualquer um de seus encantos fisga o viajante já à primeira vista!

Fomos fisgados

A cidade é encantadora e muito romântica. Porém o motivo de termos ido até lá foi levar a presença de Deus numa das ruas mais inóspitas e populares da cidade – Red Light Disctrict – o distrito da luz vermelha, paraíso do sexo.  Ali a prostituição é liberada e como se fossem produtos em exposição, dezenas de garotas de programa dançam com pouca (ou nenhuma roupa) nas vitrines.

Através de uma palavra dada pelo Senhor no retiro de jovens em 2009 (Qual é a sua obra?) fomos desafiados a irmos naquele lugar e levantarmos um clamor de intercessão pela nação. Foi o que fizemos. Ao chegarmos ao local, vimos através das vitrines aquelas mulheres nos observando. Eram várias vitrines entre as ruas que se entrelaçavam entre ruelas e becos, como um labirinto. Ali, num cruzamento de ruas oramos pela cidade e em ato profético, levantamos nossas mãos, como se estivéssemos segurando uma tocha, para que a presença do Senhor invadisse aquele local.

Oramos, choramos e clamamos. O Senhor nos Deu uma visão de que naquele local, não somente a prostituição impera, mas também tráficos e a rota de máfias internacionais. Mesmo num clima frio e tão tenso, clamamos ao Senhor e pedimos a falência do espírito maligno de Nosferatu sobre a cidade e sobre as muitas igrejas abandonadas da cidade. Amsterdã precisa de avivamento. A igreja cristã está enfraquecida. Cremos que através das nossas orações, os céus de Amsterdã podem ser abertos. Uma semente foi plantada naquela cidade. Que a glória do Senhor alcance toda a Holanda.

- Israel e Thiago Braglia