Um continente em avanço do evangelho

 Toda a Terra será cheia da glória de Deus. Como corpo de Cristo temos percorrido muitas nações para orarmos e clamarmos por salvação e avivamento. Esta é uma direção de Deus dada à nós. Desse modo, missionários da Igreja estiveram em quatro partes do continente africano.

Egito

Os pastores Adalberto e Luizita estiveram em 2012 no Egito. Este país inclui a península do Sinai, na Ásia, o que o torna um estado transcontinental. É um dos países mais populosos da África. A grande maioria da população, estimada em 81 milhões e meio de habitantes vive nas margens do rio Nilo, praticamente a única área não desértica do país. O país é conhecido pela sua antiga civilização e por alguns dos monumentos mais famosos do mundo, como as pirâmides de Gizé e a Grande Esfinge. O Egito é reconhecido como um país política e culturalmente importante do Médio Oriente e do Norte de África. Este país possui muitas zonas de conflito e guerra, e foi numa dessas zonas, no Norte da nação que os pastores estiveram orando e clamando pela paz na ação e pela paz com o país vizinho – Israel. O Egito precisa de nossas orações pois a Igreja é fraca na nação e é um país que precisa de misericórdia. Um clamor foi levantado numa nação de constante ataque e opressão.

Marrocos

Foi em Casablanca, no Marrocos que um clamor foi levantado aos céus. De maneira sobrenatural as portas da maior mesquita do mundo foram abertas para que o missionário enviado pela Igreja pudesse entrar e orar lá dentro. A mesquita possui acesso restrito aos muçulmanos e cristãos, turistas ou pesquisadores de outras culturas não possuem acesso.

Mas ao chegar ao local, o Espírito Santo fez com que o acesso fosse liberado exclusivamente para o missionário que andou acompanhado apenas de um muçulmano.

Ali um clamor aos céus foi erguido e uma oração pela queda do islã foi levantada. O sangue de Jesus Cristo foi derramado para que todos tivessem acesso ao verdadeiro Deus.

Assim, ali naquele local, clamou-se por arrependimento na nação e por grande salvação nos povos muçulmanos.

Angola

Luanda é a capital e a maior cidade de Angola. Localizada na costa do Oceano Atlântico, é também o principal porto e centro econômico do país. Os habitantes de Luanda são, na sua grande maioria, membros de grupos étnicos, principalmente ambundu, ovimbundu e bakongo e chegam a um total de 5 milhões de habitantes na cidade.Existe uma minoria significativa de origem europeia, constituída principalmente por portugueses, e uma importante comunidade chinesa. A língua oficial e a mais falada é o português, sendo também faladas várias línguas do grupo bantu, principalmente o kimbundu. Foi em Luanda, numa base missionária interdenominacional que a Igreja enviou uma missionária para orar e clamar pela nação no dia da Independência – feriado nacional.

A Angola é um importante país Africano mas a igreja evangélica ainda é fraca e carece Bíblias, de pastores, de mestres, levitas e evangelistas. Muitas igrejas no Brasil possuem trabalhos missionários no país, principalmente pela facilidade da língua portuguesa, mas ainda assim a Ação do Espírito Santo de forma efetiva na nação precisa ser intensificada.

A Igreja de Jesus precisa de impulso ministerial na Angola e foi profetizado na base missionária, no porto de Luanda e no museu nacional da escravatura, algo tão importante na a história do Brasil, o aumento da fé em Jesus na nação e a intensificação do evangelho: salvação para toda a Angola.

África do Sul

Cape Town é a segunda maior cidade da África do Sul, fazendo parte do Município metropolitano da Cidade do Cabo. É a capital da província do Cabo Ocidental, bem como a capital legislativa do país, onde o Parlamento Nacional e muitos escritórios do governo estão localizados. A Cidade do Cabo é famosa pelo seu porto natural, incluindo os marcos bem conhecidos, como a Tábua do Cabo (ou Montanha da Mesa) e a Baía da Mesa, sendo um dos mais populares destinos turísticos do Sul Africano. É o segundo maior núcleo urbano, financeiro e cultural do país, depois de Joanesburgo que é a maior cidade da África do Sul. Com cerca de 5,3 milhões de habitantes, é a quarta maior do continente africano (superada pelo Cairo, Lagos e Kinshasa). Em bases missionárias da nação, no aeroporto, no pico dos montes e nos mais famosos parques foi orado por salvação e avivamento no país.

A África do Sul despertará grande avivamento e o poder de Deus já está sendo intensificado na nação. Um clamor pela glória de Deus na nação e pela queda da feitiçaria e de falsos deuses em todo o território africano foi erguido.

O casal de missionários enviado e direcionado pela Igreja e por Deus orou pedindo o enfraquecimento de curandeiros, feiticeiros, bruxos e dominadores espirituais. A queda da opressão demoníaca de peste, fome e indigência em toda a África foi ali profetizada.

Toda a África será cheia da glória de Deus. Grandes coisas estão por vir. Que o evangelho avance à nação.

Igreja de Florianópolis – Proclamando a Verdade