A glória encheu o Shekinah

 

O céu é o limite, o céu manifesta a Glória de Deus (Sl 19:1), o céu é o limite. A Glória de Deus é o nosso limite – essa foi a mensagem do 10° retiro profético da Igreja de Florianópolis. Foram cinco dias onde as 150 pessoas que passaram pelo acampamento Shekinah puderam experimentar o que é viver no limite (Glória) de Deus. A presença do Senhor foi intensamente vivida e nosso Pai separou aqueles dias para preparar seus 25 guerreiros que seguiriam viagem logo após o grande shabbat da noiva.

Foram dias de mover do Espírito onde Deus derramou sobre a igreja uma nova porção de Pentecostes (Atos 2:1-2) e o Senhor mostrou seu amor por nós, restaurando vidas e ministérios. Trazendo mais conhecimento de Sua palavra e exortação sobre como devemos andar (1Co 5:11) e também a obediência e respeito devido as autoridades constituídas por Deus na igreja (Rm13:1-2).

Em obediência ao Senhor todos escreveram seus espinhos na carne para que fossem queimados na fogueira, mesmo com toda a chuva que caiu no domingo a tarde, a noite foi realizado esse ato profético onde a noiva foi queimada e purificada de seus pecados. Esse momento também foi reservado para a igreja enviar os guerreiros que iriam a Patmos e outras nações para cumprir nosso chamado (2 Tm 4:3-4) de levar a presença e o fogo do Senhor até os confins da Terra e lutar em favor do nosso Rei (2 Co 10:3-5).

A última manhã foi um tempo de desfrutar da presença do Rei e sentar a mesa do Senhor para a ceia, marcando o último momento de comunhão de da Igreja de Florianópolis e Blumenau ali reunida com a certeza de que todos queriam mais e mais da Glória de Deus e desejam buscar ela em todos os dias e transbordar a Glória por toda a Terra (Is 6:3). Não há limites para nós quando estamos vivendo o poder da presença do Pai, ou melhor, há um limite! E ele se chama céu, poderíamos querer mais?

 

Thaís Jordão
Igreja de Florianópolis

 

Igreja de Florianópolis – Proclamando a Verdade